Fogo negro em Faerun

O lorde Gnoll e uma rival a altura

Arco 2

Nas profundezas do covil, após a poeira baixar, o grupo se vê em um tipo de construção antiga, com mais de 10m de altura, colunas antigas erguidas por toda a extensão do grande salão e nas paredes, buracos escavados e escadarias tortas feitas na pedra que interligam um local a outro, uma risada estridente e retumbante enche o local e por trás das pilastras uma grande hiena aparece, gigantesca segurando um tipo de mangual com 3 pontas o gnoll rodeia o grupo aparentemente chamando suas crias, mais risadas se unem a dela, vindas dos túneis na parede e no momento em que todos partem em retirada, um portal se abre ao fundo, fazendo com que todos sintam arrepios. Do buraco aberto suspenso no ar, um dragão azul se mostra, olha para eles e diz em draconiano: “até que enfim os encontrei!” atacando-os logo em seguida com um enorme raio.

No susto, todos se protegem com os braços, o Clérigo toma a frente resistindo ao medo, ergue seu escudo com o símbolo de Lathander e ouve um estrondo vindo da sua frente, ao abrir os olhos, vê o raio se dissipando em um escudo maior a sua frente, a divindade pairava ali, de armadura completa, escudo e maça erguidos e olhando para todos diz, vão embora enquanto podem, aqui não é lugar para vocês!

O grupo sai correndo por dentro de uma das portas derrubando gnolls enquanto do grande salão, um enorme barulho de como se tudo estivesse desmoronando ecoa pelos túneis. Entram e saem de por várias reentrâncias na parede, subindo cada vez mais, o dragão azul atacando-os freneticamente toda vez que eles aparecem e o grande gnoll, Yeenoghu, lorde demônio dos gnolls agora luta contra uma Succubus do mesmo tamanho que ele, a já conhecida de Futuri, o clérigo, Cessi. a mesma que havia feito o acordo com ele em sua infância. Ele desacredita de vê-la ali daquele tamanho mas segue em frente tentando sobreviver. Ao atingirem um local onde podem ficar razoavelmente protegidos das baforadas de raio do dragão, investem contra ele quase sem afetá-lo apesar de acertarem praticamente todos os golpes. Em certo ponto da subida, avistam pequenas construções como se fossem um tipo de contraforte pequeno de onde vêem luz natural vindo de uma escadaria e correm. Ao perceber que eles fugiriam, Yeenoghu salta contra eles, acaba com o dragão e bloqueia a passagem olhando-os com ódio por escaparem e por terem matado tantos gnolls, Cessi investe novamente contra ele já muito ferida e o grupo se vê sem saída.

Outra succubus aparece ao lado de Cessi, do tamanho de um humano, e assim que ela aparece, Yeenoghu simplesmente para estarrecido por vê-la, seu olhar é de desespero e loucura e a deixa é aproveitada por Cessi que abre um portal atrás dele, Melcanteth a lorde demônio Succubus começa a enviá-lo para dentro do portal e com metade do corpo já engolido, ele começa a olhar nos olhos de cada um enquanto se segura às pedras com sua poderosa arma. Enquanto olha para cada um, seu olho reflete coisas pessoais… Futuri ve a plantação de sua família devastada, seus pais mortos, Content Not Found: anathar vê luz e sombra ao seu redor enquanto ele está no meio, dividido por cada uma delas, Breath vê um barco a deriva, com ele quando criança sozinho desmaiado dentro, Ragna’Kar se vê sozinho, numa praia, um grande navio em chamas em alto mar e vários ovos de dragão destruidos ao seu redor, Stu Bléerg vê seu antigo templo vazio, em ruinas e Angell vê sua família sentada à mesa, jantanto e felizes conversando.
Durante a visão, ela vê a sombra de um gnoll atrás de sua mãe, a sombra se funde com ela que desmaia e o restante da família corre em seu auxílio. Quando eles se dão conta, Yeenoghu sumiu e as Succubus entram pelo portal indo embora no momento em que tudo começa a desmoronar.

Eles se refugiam no contraforte, em uma sala com um tipo e cofre na parede, fechado por runas mágicas numa sala cheia de livros e anotações em um idioma muito antigo, enquanto eles tentam decifrar aquilo, Angell fica desesperada pela sua mãe, e sai correndo pelas escadas com somente uma coisa em mente, ir pra casa. O grupo não a vê sair mas assim que percebem a falta dela, correm atrás dela temendo o pior.

No fim da escadaria, saem no chão de uma velha casa de madeira no meio do deserto, vêem Angell correndo pela areia já longe, flechas voando contra ela, gnolls correndo e então, eles começam a perseguição à Halfling.

audrey-lopez-temple-cave-final-300.jpg

Comments

Vancsek Vancsek

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.